Brasil supera China e vira 7º maior mercado de TI do mundo

Gráfico - Mercado Brasileiro de TIO Brasil ultrapassou a China em 2012 e se tornou o sétimo maior mercado doméstico do mundo na venda de softwares e serviços de tecnologia da informação, segundo pesquisa divulgada em 21/08/2013 pela Abes (Associação Brasileira das Empresas de Software).

Com um mercado total de US$ 24,9 bilhões, o país pulou três posições e superou, além dos chineses, australianos e italianos, crescendo 28% em relação a 2011. O salto ocorreu graças ao crescimento de 53,5% nas vendas de software, que atingiram os US$ 9,48 bilhões. Já o setor de serviços de tecnologia da informação avançou 16%, e chegou a US$ 15,44 bilhões.

Apesar do grande avanço no comércio de softwares no Brasil, a grande maioria dos programas para computador, cerca de 80%, continua sendo desenvolvida fora do país, por companhias estrangeiras.

A INOVAX é uma das únicas empresas brasileiras que possui um Centro de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação dentro de sua estrutura, que desenvolve softwares e equipamentos que melhor atendam as necessidades de seus clientes.

Saiba mais sobre as soluções desenvolvidas pela INOVAX.

Dia 17 de Maio, Dia Mundial da Telecomunicação

Nesta sexta-feira é comemorado o Dia Mundial da Telecomunicação, que envolve atividades relacionadas à transmissão, emissão ou recepção de informações de qualquer natureza. Satélites, fibra ótica, celular, redes mundiais levam mensagens em forma de som, imagens ou dados informáticos, viabilizando a transmissão de dados para vários lugares ao mesmo tempo.

A data é comemorada desde 1865, quando foi fundada a União Telegráfica Internacional, que na década de 1930 transformou-se na União Internacional de Telecomunicações (UIT). Desde então, os avanços nessa área permitiram não só modos de vida, trabalho e relacionamento desvinculados da condição de proximidade física, como também intercâmbio de informações numa intensidade jamais vista, permitindo por exemplo mais eficiência na prevenção e de desastres.

Desde 1989, a INOVAX acompanha de perto as inovações na área de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e desenvolve soluções que contribuem para uma mais eficiência na comunicação em tempo real e transmissão de informações em ambientes corporativos.

Atualmente, a INOVAX segue na frente de inovações na área com a instalação dos primeiros Containers Data Center do Brasil, na universidade Mackenzie e na construção de sites de contingência mais eficientes.

Brasil tem 4º maior mercado de TIC do mundo

De acordo com pesquisa divulgada pela IDC Brasil, o Brasil já está entre os quatros maiores mercados de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) do mundo em termos de gastos de TI. Nos últimos dois anos, o Brasil ultrapassou o Reino Unido, a Alemanha e a França. O país movimentou US$ 233 bilhões em 2012, equivalente a 51% dos gastos de TIC de toda a América Latina.

Ainda segundo o IDC, o mercado de TIC no Brasil já representa mais do que duas vezes o da Rússia e mais do que duas vezes o da Índia, perdendo apenas para o mercado chinês.  Mas o desejo é atingir a terceira posição no mercado de TI e Telecomunicações até 2022.

De acordo com o especialista Divaldo Leal de Mendonça, Diretor Financeiro (CFO) da INOVAX Engenharia de Sistemas, o crescimento do mercado de TIC no Brasil se reflete principalmente no desenvolvimento da computação em nuvem e nos Data Centers modulares. “Os Data Centers móveis e as soluções em nuvem tendem a crescer por conta do viés verde da economia de energia em expansão” afirmou. “Esse crescimento vem a reboque de uma perspectiva do aumento da infraestrutura de rede de fibra ótica, que dará ainda mais condições para expansão do mercado”.

O desenvolvimento do mercado de TIC no Brasil é fortemente estimulada pelo governo, por exemplo, através da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI).  Como é visto nos países mais desenvolvidos do mundo, a tecnologia é a chave para o desenvolvimento, e a INOVAX, ciente disso, te investido no desenvolvimento de tecnologias próprias, além de firmar parceria com grandes empresas de TI do mundo como Huawei, IBM e HP.

INOVAX implanta primeiro Container Data Center do Brasil

Container Data Center INOVAX

Container Data Center INOVAX na Mackenzie SP

No útlimo sábado (02/03) a INOVAX realizou a logística de trasnporte e implantação de mais um Container Data Center na Faculdade Mackenzie em São Paulo. A Iniciativa inovadora é uma parceria da INOVAX com a Huawei. Em dezembro de 2011 a INOVAX viabilizou a instalação do primeiro Container Data Center no Brasil também na Mackenzie, um símbolo do crescimento do mercado brasileiro de data center e do desenvolvimento tecnológico das instituições de ensino brasileiras.

De acordo com o COO da INOVAX, Manoel Alberto Rodrigues Neto, o Container Data CEnter é uma solução inteligente que é a nova tendência no mercado de Tecnologia da Informação e Comunicação, por atender a diversas demandas em um único núcleo. “O CDC é a aplicação do conceito de soluções modulares à área de datacenter, tratando de questões complexas multidisciplinares de forma padronizada, fazendo uso das melhores práticas” afirmou.

O projeto reduziu consideravelmente o custo de investimento em mais de 60% quando comparado com o sistema convencional de Data Center. Além disso, a flexibilidade e o tempo de implantação, que durou cerca de 2 meses, minimizou a necessidade de espaço e intervenções civis no processo.

Além desse data center, a INOVAX em parceria com a Huawei está em processo de desenvolvimento de outros projetos no mesmo formato previstos para este ano.

O que é um site de contingência?

Porque as empresas têm procurado fazer um site de contingência e como ele garante seu pleno funcionamento em casos de desastre.

ImageCom o desenvolvimento da computação em nuvem, as empresas passaram a lidar com quantidades cada vez mais gigantescas de dados e, consequentemente, se preocupar em preservá-los. Surgiu então a necessidade de um plano de contingência, que assegure a continuidade dos negócios das empresas caso ocorra uma catástrofe em suas sedes.

O site de contingência é uma duplicação da infra-estrutura de uma empresa em um endereço diferente. O ambiente, que pode ser uma estrutura mais simples com as mesmas configurações de software da sede ou até um data center, permite que a companhia funcione integralmente em casos de indisponibilidade da sede, sem comprometer as operações que estão sendo realizadas. A comunicação de seus usuários com seus servidores é feita dessa forma por meio de duas conexões. Se uma falha, a outra entra em funcionamento.

O site de contingência é vital para empresas que realizam processos que não podem falhar ou entrar em colapso. O plano de continuidade deve ser parte essencial da política de segurança de uma empresa. Uma situação em que prevenir é vital e remediar não é uma possibilidade.

Um caso que ilustra a importância de um site de contingência bem executado é o dos ataques terroristas ao World Trade Center, como recorda o técnico da INOVAX Sharley de Lima. “Muitas empresas funcionavam em um dos prédios e tinham um site de contingência no outro prédio. Perderam seus registros, seus dados, todas as suas informações” afirmou.

A INOVAX é especialista no desenvolvimento de sites de contingência, como o desenvolvido para o Banco de Brasília (BRB). Lá, a INOVAX implantou Mesas de Operação Financeira e um servidor com Audiocode. Em um endereço mais distante, a INOVAX disponibilizou a mesma estrutura com as mesmas configurações de sistema. Neste, foi instalado um software que identifica se um servidor falhou e transfere automaticamente todos os processos para o outro servidor. Dessa forma, todos os serviços das Mesas Financeiras continuam ativos graças ao site de contingência.

Para saber mais sobre sites de contingência e as soluções personalizadas que a INOVAX pode oferecer entre em contato conosco neste link ou através dos telefones (21) 2103-5550 ou (11) 3106-0178.

A Inovação Tecnológica

innovation-inovaxInovação e tecnologia são atualmente componentes-chave para uma empresa estar em vantagem competitiva, seja qual for sua área de atuação. A inovação e a tecnologia estão interagindo de maneira constante e cada vez mais profunda. No Brasil, a inovação tecnologica tem sido fortemente estimulada pelo governo através da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI).  Como é visto nos países mais desenvolvidos do mundo, a tecnologia é a chave para o desenvolvimento, e o Brasil tem finalmente percebido isso.

Em meio à um período de crise mundial, há um raio de esperança para a economia global com a inovação tecnológica levando diversos países à mudança e recuperação. Em uma nova onda de revolução tecnológica, os países desenvolvidos estão alcançando avanços econômicos através da inovação, enquanto países emergentes estão aproveitando esta oportunidade para buscar o desenvolvimento. Neste contexto, a inovação tecnológica é uma escolha inevitável para aqueles que pretendem seguir a evolução dos tempos e uma medida importante para criar novas vantagens mercadológicas. Cientes disso, diversas empresas têm criado internamente um setor de pesquisa, desenvolvimento e inovação, como é o caso da INOVAX.

Com uma equipe de desenvolvimento estabelecida no Parque Tecnológico do Rio de Janeiro, a INOVAX tem contribuido para promover o desenvolvimento da tecnologia no país. A empresa está estruturada para desfrutar dos benefícios da lei do bem (Lei n.º 11.196, de 21 de novembro de 2005) que consolidou os benefícios às empresas que realizam pesquisa tecnológica e desenvolvimento de inovação na área de tecnologia da informação. Entre os principais benefícios usufruídos também pelos clientes está a redução nos impostos, que acarreta na redução dos custos dos produtos e serviços.

Além disso, a INOVAX possui um Comitê Interno de Inovação que troca continuamente informações para sugerir melhorias na pesquisa e no desenvolvimento de produtos e projetos. Entre os produtos desenvolvidos pela empresa encontra-se o NEOPATH, que é referência na gestão de mesas financeiras. [Saiba Mais.]